Sinopse

Com uma tradição que remonta ao ano de 1641, a Festa de Santa Bárbara atravessa como ventania os séculos na cidade de Salvador. Tendo sua origem ligada a um mercado popular na região do cais do porto em Salvador, a festa de Santa Bárbara é também a festa de Iansã, Oyá, Matamba, Bamburucema, forças e energias dos cultos africanos que na Bahia plantaram definitivamente seus Axés. Hoje, mais de 300 anos depois, mantemos a tradição de festejá-las no dia 04 de dezembro. Um passeio por imagens de arquivo dos últimos 15 anos da festa do mercado de Santa Bárbara nos revela uma Bahia de força e mistério, amor e devoção, celebração da coragem e insubmissão de Oyá e Santa Bárbara, as santas guerreiras que abrem, com suas espadas, o calendário de festas populares da Bahia.

Trailer

Vídeos

Direção

Tenille Bezerra

Tenille Bezerra é natural de Valença, Bahia. Cineasta e Produtora Executiva graduada em comunicação, atua há cerca de 17 anos no mercado audiovisual da Bahia. Ao longo desses anos foi responsável pela direção, montagem e produção de diversos filmes dentre eles os premiados: "Eu me Lembro", "O Sarcófago", "Lindeiras", dentre outros. “Aleluia, o canto infinito do Tincoã”, perfil poético musical do cantor Mateus Aleluia é o seu primeiro longa-metragem. Poeta, teve seu primeiro livro de poemas, rumor, lançado em 2017 pela editora Moinhos.

Créditos

Produção

Fabiana Marques

Elenco

Maria Isabel Batista

Montagem: Tenille Bezerra

Controller: Thayná Mallman

Pesquisa: Débora Simões e Tenille Bezerra

Imagens adicionais: Bruno Saphira e Safira Moreira

Trilha sonora original: Ubiratan Marques

Paisagem Sonora: Beto Ferraz

Finalização de Imagem: Griot Pós

Arte: Tiago Ribeiro